Entrega de Apoios 2019

A Junta Freguesia de Lourinhã e Atalaia deliberou por unanimidade atribuir um apoio financeiro às associações da Freguesia que durante o ano de 2019 tiveram um papel relevante nas atividades organizadas ou promovidas pela Junta de Freguesia, quer no âmbito recreativo e cultural quer no apoio à população, nomeadamente na segurança e socorro.

O Presidente da Junta, Pedro Margarido, referiu que “a Junta de Freguesia apoia durante o ano todas as Associações com sede na Freguesia quer através de apoios monetários pontuais, para festas e eventos específicos,  quer através de apoios em logística sempre que são solicitados. Este apoio extra tem em consideração a colaboração das associações contempladas nos eventos organizados ou promovidos pela Junta de Freguesia e pelo papel relevante na defesa e divulgação das tradições e da cultura da Freguesia a nível Local e Nacional.“

O executivo decidiu atribuir às associações, que se passam a enumerar, um apoio total de nove mil e duzentos e cinquenta euros sendo que a maior tranche foi atribuído à Associação dos Bombeiros Voluntários da Lourinhã, no valor de três mil euros seguido da Santa Casa Misericórdia da Lourinhã, para apoio às obras de restauro e conservação que estão a decorrer, no valor de dois mil e quinhentos euros. As outras entidades contempladas foram a Associação Musical Artística Lourinhanense, com um valor de mil euros, a Associação Musical de Atalaia também com um valor de mil euros e o Rancho Folclórico “As Moleirinhas” do Seixal – Lourinhã em que tendo em consideração o apoio na organização do Festival da Abóbora, com a oferta de lanche aos grupos que ai atuaram, foi deliberado atribuir também um apoio no valor de mil euros. Foi ainda atribuído ao Grupo de Cantares e ao Grupo de Cavaquinhos do G.D.R.C.S.  de Zambujeira e Serra do Calvo o apoio de seiscentos euros e por fim ao Centro Social da Abelheira o valor de cento e cinquenta euros para apoio à sua Festa de Natal.

O Presidente da Junta, Pedro Margarido, voltou a enaltecer e a reconhecer publicamente “todo o trabalho voluntário dos dirigentes associativos e dos membros das comissões de festas da Freguesia em prol da comunidade, muitas vezes com sacrifício pessoal e familiar.”