Apoios extraordinários às Associações e Igrejas

A Junta da União das Freguesias de Lourinhã e Atalaia deliberou por unanimidade atribuir em 2020 um apoio financeiro extraordinário de cerca de 25 000,00 euros às fábricas das Igrejas e às Associações da Freguesia.

 

Perante a crise pandémica decorrente da COVID-19, e das medidas excecionais de resposta à situação epidemiológica decretadas a nível nacional em 2020, as associações e as coletividades da Freguesia viram-se obrigadas a cancelar as suas atividades e também, como exemplos,  as festas, os encontros, as reuniões e os eventos culturais, desportivos e recreativos que habitualmente fazem parte da sua essência.

 

De igual forma o culto religioso na Freguesia viu-se também limitado nas suas atividades nomeadamente pela supressão de encontros e celebrações. As Fábricas da Igreja assumem um papel influente na dinâmica do tecido social da Freguesia desempenhando um trabalho importante nomeadamente junto da população idosa e de cidadãos desprotegidos e em risco social.

 

As associações e coletividades assumem de igual forma um papel preponderante na sociedade e desempenham também um meritório trabalho, resultado do empenho e abnegação dos elementos que constituem os órgãos sociais, dos seus familiares bem como, da comunidade local que legitima e apoia a vitalidade que estas instituições incutam nas suas localidades.

 

A supressão das suas atividades, por força da segurança e bem-estar de todos nós devido à situação pandémica, causaram a estas entidades um prejuízo social e económico e é grande o esforço financeiro necessário para continuar o seu papel essencial no seio da população e garantir a sua sustentabilidade.

Reconhecendo que estas entidades desempenham um relevante papel enquanto motores de desenvolvimento social, económico e cultural na Freguesia a Junta da União das Freguesias de Lourinhã e Atalaia deliberou na sua reunião sob proposta do Presidente da Junta, Pedro Margarido, atribuir apoio financeiro de caracter extraordinário que, sem menosprezar o empenho e a importância de cada uma delas, teve em consideração as suas valências, a sua área de influência geográfica e os seus encargos com funcionários e instalações.

 

Na reunião de entrega dos apoios o Presidente da Junta, Pedro Margarido, disse que a Junta de Freguesia tem colaborado dentro das suas possibilidades com todas as associações dentro da área geográfica da Freguesia  e sendo este um ano atípico e considerando que a Junta de Freguesia não realizou os eventos programados, ou seja a Feira Saloia, as animações de Praia, a Festa da Família e o Festival da Abóbora, o executivo canalizou as verbas orçamentadas destes eventos para reforçar o apoio às Associações e Comissões de Igrejas”  sendo para as 15 Fábricas de Igreja cerca de 4.000 euros e para as 19 associações e coletividades da Freguesia cerca de 20.750 euros.

 

Para além deste apoios monetários a Junta de Freguesia realizou a doação de 780 Kg de ração à Associação Projeto J.A.V.A no valor de cerca de 290 euros. No fim, o Presidente da Junta, voltou a enaltecer e a reconhecer publicamente todo o trabalho voluntário dos dirigentes associativos e dos membros das comissões de festas e das Igrejas em prol da comunidade, muitas vezes com sacrifício pessoal e familiar.