3ª Edição do Festival da Abóbora

O Festival da Abóbora da Freguesia de Lourinhã e Atalaia, que decorreu de 28 a 30 de Outubro, atraiu perto de 10 mil visitantes durante os três dias e a organização, a Junta de Freguesia de Lourinhã e Atalaia, faz um balanço positivo desta terceira edição onde pela primeira vez estiveram representantes do Governo, o Secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, Dr. Luís Medeiros Vieira, e o Secretário de Estado das Autarquias Locais, Dr. Carlos Miguel.

img_20161030_154545Para o Presidente da Junta, Pedro Margarido, “O 3º Festival da Abóbora teve um enorme sucesso. Registámos novamente uma grande adesão da população local e também a nível nacional tendo-se conseguido angariado, nas iniciativas solidárias, mais de 2.500 euros que vão reverter a favor dos Bombeiros Voluntários da Lourinhã, da ADAPECIL, da Associação Nós Por Ká e da Associação JAVA”.

A 3º Edição do Festival da Abóbora da Freguesia da Lourinhã e Atalaia contou com 16 expositores de doçaria, 15 produtores de abóbora, 28 artesãos e 12 entidades que promoveram as suas atividades, onde a abóbora foi a rainha.

dscn0120Esteve em exposição no certame uma das Maiores Abóboras do Mundo, com 806Kg, produzida em Itália, e cedida à Junta de Freguesia por um dos principais festivais de abóboras de mundo, o de Ludwigsburgo, na Alemanha, fruto de uma parceria iniciada este ano e que contou já com um intercâmbio de representantes nos respetivos festivais. O Presidente Pedro Margarido e a Vogal Maria Matos deslocaram-se em Outubro, custeando eles as viagens e com o apoio dos emigrantes Portugueses na estadia e alimentação, à cidade de Ludwigsburgo para conhecer este Festival de Abóboras e estabelecer contactos com a organização germânica, que resultaram na vinda da abóbora gigante e na visita de Stefan Hinner, um dos responsáveis pela organização do Festival da Abóbora de Ludwigsburgo há mais de 15 anos, ao Festival da Abóbora da Freguesia de Lourinhã e Atalaia.

dscn0061Dos concursos de Abóboras e de Doçaria, este ano a nível Nacional, destaca-se a maior abóbora que atingiu 1,25 m de comprimento e a mais pesada com 75,5 Kgs. Nos doces os vencedores foram o Doce de Abóbora e Fisális, da empresa Delicias da Natureza, e o Travesseiro de Amêndoa e Gila, do grupo composto por Rancho Folclórico “As Moleirinhas”, ACR Seixalense, Igreja do Seixal.

A gastronomia teve uma boa aceitação do público, tendo-se confecionado perto de duas mil de refeições à base de abóbora, destacando-se as novidades “bacalhau com migas de abóbora”, “profiteroles com doce de abóbora”, “hambúrgueres de abóbora”, “pizzas de abóbora” e “sopa de peixe com abóbora”. Outra novidade nesta edição do Festival da Abóbora foi a Cerveja Artesanal com sabor a abóbora (pumpkin ale) da Casa de Cerveja Artesanal – Praia da Areia Branca.

dscn0002Um dos momentos altos do Festival foi a Torta Gigante com Doce de Abóbora que alcançou nesta edição os 63 metros de comprimento, graças ao empenho das pastelarias, associações e produtores, que rapidamente foi vendida e cujos lucros reverteram para as Associações supracitadas.

Realça-se também a adesão dos restaurantes da Freguesia (11) à Semana Gastronómica da Abóbora que apresentaram ao público inovadores pratos com abóbora, assim como a Rota Atlântica da Abóbora que despertou nos visitantes a vontade de conhecer os diversos pontos de interesse turístico do Concelho.

dscn9978Com este Festival, pretende-se valorizar a abóbora, assim como os seus derivados, associados à animação e às potencialidades e criatividades locais, uma vez que o concelho representa 54% da produção nacional de abóbora, 39 mil toneladas em 2015, agregando as componentes do Turismo, da Gastronomia, da Doçaria, da Música Portuguesa, de Exposições, do Artesanato e da Animação Infantil. Também as componentes do conhecimento com workshops prestados por instituições e empresas da região e jornadas técnicas com oradores de âmbito Nacional.

autarc_deuil-la-barreDe destacar, por fim, a presença de instituições de outros Concelhos: de Vagos a Confraria dos Sabores da Abóbora; de Vimioso a Associação Amartes; e de Penela do Castelo a Tuna de Real, as quais numa pequena reunião mostraram vontade de aprofundar as relações entre os Festivais e iniciativas com o tema de abóboras, e mais uma vez contou com a presença de autarcas da Vila Francesa de Deuil-la-Barre.

Imagens (direitos reservados): Freguesia de Lourinhã e Atalaia; Maria Matos; Fernando Rodrigues